segunda-feira, 2 de julho de 2018

Maravilhas do mar: esponjas

Resultado de imagem para peixe em esponja marinhaJá fiz alguns posts sobre esponjas específicas, mas nenhum geralzão como esse. Então, vamos lá.

Os espongiários ou poríferos são os animais multicelulares mais simples do mundo. Sim, animais, apesar de não se moverem e terem tanto jeito de plantinha. E, como sua própria simplicidade indica, foram os primeiros animais da Terra também. São encontradas dos polos aos trópicos, em praticamente todos os ambientes aquáticos.

Estudos sugerem que existem há pelo menos 640 milhões de anos. Isso dá 100 milhões de anos antes de qualquer outro animal, e 400 milhões de anos antes dos dinossauros. Já viram de tudo, desde eras glaciais até a extinção dos dinossauros. Se continuarmos cuidando do planeta do jeito que cuidamos agora, vão ver nossa extinção também. E decerto nos considerarão bichos muito burros.
Resultado de imagem para peixe em esponja marinha



Curiosidade 1: no Havaí, existe uma esponja do mar com mais de 3,5 metros de largura e 2 metros de comprimento. Biólogos marinhos acreditam que ela tenha cerca de 2 mil anos, o que a tornaria o animal mais velho do mundo. Está a mais de 2 mil metros de profundidade e foi descoberta por um submarino do Greenpeace.

Essa é a esponja gigante de 2.000 anos

Curiosidade 2: se uma esponja for despedaçada e só restarem pedaços microscópicos, ela não morre. Os pedaços vão se reunir e se regenerar, formando várias novas esponjas.

Curiosidade 3: como não se movem, precisaram encontrar meios alternativos de defesa. Uma delas crambe crambe cria um grande círculo químico para afastar predadores e impedir outras espécies de se estabelecerem em seu território.

Resultado de imagem para esponja crambe crambe
Esponja crambe, uma das que usam armas químicas


Curiosidade 4: elas servem de refúgio para alguns peixes e invertebrados de menor porte, e podem ser ambientes de desova para algumas espécies de peixes.

Imagem relacionada
Peixinho hospedado em esponja
Sites/portais de consulta - Greenpeace
Imagens da internet

domingo, 17 de junho de 2018

Lustrinho ao ego: casais literários de livros não-hot

Achei super interessante a ideia do vídeo da Jis Rocha sobre casais literários de livros não-hot. E, ao me ver marcada, brilhantemente deduzi que um dos meus livros estava lá. Olhei o vídeo direitinho, na ordem, sem avançar, e gostei dos comentários da Jis. Diversos livros me interessaram.

Aí, eis que surge Cisne lá no final do vídeo! Casais literários em Cisne? Doris e Henry, obviamente. Afinal, a fã-clube de Henry é um assombro. Detalhe: até onde consegui averiguar, Henry é o único cara casado, com filhos, que aparece em tags desse tipo.

Acontece que Jis falou em DOIS casais, e aí me fiquei intrigada de verdade. Quem ela teria escolhido? Acabei rindo. De satisfação! Porque Jis encontrou outro casal, total e completamente fora dos padrões usuais, para escolher como um dos seus preferidos.

Confere aí. E depois me conta, aqui e lá no vídeo da Jis, qual sua opinião sobre a escolha dela.