quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Maravilhas do Mar: o Grande Buraco Azul


Este lindinho fica localizado perto do centro do Recife Lighthouse, um pequeno atol a cerca de 100 km da cidade de Belize.


É uma circunferência perfeita de 300 metros de diâmetro e 135 metros de profundidade, uma verdadeira obra-prima da Natureza. É tombado pela UNESCO por suas características únicas.

Durante muito tempo, acreditou-se que este buraco tinha sido formado pelo choque de um meteoro contra a Terra... Mas não foi assim que o buraco se formou!

O local tornou-se famoso através de Jacques-Yves Cousteau, que o elegeu como um dos 10 melhores lugares para mergulho no mundo. E ele, como um dos melhores mergulhadores que já existiu, entende disto!

Em 1971, Cousteau levou seu navio, o Calypso, ao buraco, para mapear o fundo. As investigações desta expedição confiraram que o Grande Buraco Azul surgiu como uma típica formação de calcário, surgida antes do aumento do nível os oceanos. O aumento do nível dos mares deixou sinais em profundidades de 21, 49 e 91 metros.

A expedição encontrou estalactites na caverna submersa, confirmando sua formação acima do nível do mar. Ou seja, quando as águas do mar subiram, o teto da caverna caiu, deixando um buraco perfeitamente redondo e intrigante como resultado.

As águas do local são tão claras que possibilitam a luz solar chegar a cerca de 60 metros de profundidade (é bastante!), o que possibilitou a sobrevivência de colônias de corais e de uma rica vida marinha.
Estalactites: prova de que este lugar, antes, estava fora da água
Ali se encontram tartarugas, tubarões e arraias, que nadam graciosamente entre corais e algas.

Se é um lugar que eu gostaria de visitar? SIM, sem dúvida! Para me sentir um pouquinho como os Melbourne se sentem...


fontes:
http://www.umcafepraviagem.com.br/2011/01/os-5-buracos-mais-fascinantes-do-mundo.html
http://www.mundogump.com.br/o-grande-buraco-azul/
http://nowboarding.com.br/2012/10/26/o-grande-buraco-azul/

2 comentários:

  1. Quando criança amava assistir, ler, ver tudo sobre Jacques-Yves Cousteau, para mim como ele até hoje não existe, nem o filho dele, apesar de ser bom também, mas nem tanto. Ele fez reportagens lindas! Descobriu maravilhas. Realmente amava a natureza. Amei ler sobre isso Eleonor!

    ResponderExcluir
  2. Que lugar lindo Eleonor! Você sempre trazendo coisas fantásticas pra gente. Será que esse lugar é algum resquicio da atividade em Atlantida? rsrs'

    Falar nisso, tem resenha de Guardião lá no blog, te mandei um email, mas vou mandar o link de novo por aqui ^^

    Resenha Guardião

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, foi lido com carinho! Volte sempre!