segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Maravilhas do espaço: os Pilares da Criação

Em close:  gás e estrelas
Fotografados pela primeira vez em 1995 pelo Hubble, os "Pilares da Criação" foram uma surpresa para o mundo inteiro por sua enorme beleza. Localizados na Nebulosa da Águia, a 7.000 anos-luz de distância, receberam este nome por serem o berço de um número incontável de estrelas. Os pilares, compostos por gás e poeira, têm densidade suficiente para a gravidade comprimir o gás e formar novas estrelas. Tamanho? Pouca coisa, imaginem. O maior tem quatro anos-luz de comprimento!

Mais de longe, mostrando a bela região rica em
estrelas onde ficam (ficavam) os Pilares da Criação
A parte mais interessante é que... Os Pilares da Criação não existem mais! Através de imagens que registram níveis de calor, os telescópios detectaram uma gigantesca quantidade de gás quente nos Pilares - isto é, explodiu uma supernova lá! A onda de choque da supernova certamente destruiu os pilares gasosos. Isto aconteceu há cerca de 6.000 anos, mas, como olhar o céu é ver o "passado" (pois a luz demora 7.000 anos de lá até aqui), esta supernova só será vista daqui a mil anos!

Muito louco, não?!
E beeeeem lá de longe, mostrando melhor ainda as nuvens de gás, as estrelas...
Lindo!


Fontes principais:
http://misteriosdomundo.org/pilares-da-criacao/
http://noticias.terra.com.br/ciencia/espaco/apos-20-anos-nasa-retrata-pilares-da-criacao-em-nebulosa,f315693526fba410VgnVCM3000009af154d0RCRD.html
http://www.megacurioso.com.br/astronomia/59854-segundo-a-nasa-os-pilares-da-criacao-ja-nao-existem-mais.htm


Um comentário:

  1. Que lindo. Acho incrível isso de demorar tanto tempo para a luz chegar até nós.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, foi lido com carinho! Volte sempre!