quarta-feira, 9 de julho de 2014

Joias do espaço


E são mesmo, não são?

Como pedras preciosas, as estrelas do aglomerado estelar aberto NGC 290 se apresentam de forma espetacular numa recente imagem capturada recentemente pelo Telescópio Espacial Hubble. Esse lindíssimo conjunto de estrelas se localiza a cerca de 200.000 anos-luz de distância da Via Láctea, na vizinha galáxia denominada Pequena Nuvem de Magalhães.

Um aglomerado estelar típico, se for jovem, contém menos estrelas e apresenta uma grande quantidade de estrelas azuis, que são as estrelas mais jovens. O aglomerado da foto possui centenas de estrelas e se espalha por cerca de 65 anos-luz. O aglomerado NGC 290 e outros similares são preciosos para os astrônomos, porque são laboratórios naturais para se estudar como estrelas de diferentes massas evoluem, uma vez que, em um aglomerado desses, todas as estrelas nasceram ao mesmo tempo.

Baseado em http://apod.nasa.gov/apod/ap140608.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos seu comentário, foi lido com carinho! Volte sempre!