quinta-feira, 20 de março de 2014

Amyr Klink


Cisne é uma obra de ficção, mas sempre me interessei e amei o mar. Houve uma época em minha vida em que por pouco - muito pouco! - não mudei de cidade para cursar Oceanologia em vez de Medicina. Um dos livros que mais me marcou foi "Entre o Céu e o Mar", de Amyr Klink, um verdadeiro desbravador dos mares. 

Agora, encontrei esta entrevista dele (link) no Blog do Planeta, da revista Época. É de junho do ano passado, mas o que Amyr diz vale sempre, sem se prender a datas.

Transcrevi alguns trechos abaixo, mas convido vocês a lerem a entrevista completa no link acima!

[...] Eu tenho uma experiência de 27 anos de viagens à Antártica. Em termos científicos, não quer dizer nada, mas nós começamos a perceber mudanças de alguns anos para cá. É impressionante ver o quanto acelerou a deterioração de todos os produtos de polipropileno, que é muito sensível aos raios ultravioletas. Todas as faixas, cabos, velas, que há 15 anos duravam quatro, cinco temporadas na Antártica, hoje duram apenas uma temporada. Há dez anos, era inimaginável encontrar ventos de 110 nós, que são quase 200 km/h.

[...] A Antártica é interessante porque é uma espécie de memória dos processos climáticos da Terra. Ao longo do tempo você percebe que cada coisa que foi para lá continua lá, cada fenômeno que acontece lá continua lá.

[...] Acho que houve um momento da nossa história que a gente esqueceu do mar. Eu vejo isso na cultura, na arquitetura. No Rio de Janeiro, vemos as pessoas na praia, mas não no mar. 

[...] A legislação é péssima no Brasil. A gente aplica as leis ambientais e de proteção pasteurizadamente, indiscriminadamente.

Um comentário:

  1. Quando estava no colégio (quando eu tinha uns 12 anos), uma das nossas leituras foi "Paratii". Lembro que na época não tinha gostado, pois o livro usava muitos termos técnicos, mas não deixei de admirar a coragem de Klink: ir para a Antártica, sozinho, não é para qualquer um. Realmente, ele é uma pessoa a se admirar!
    Impressionante ver essas mudanças que ocorreram nos últimos anos, né? A condição climática algo que precisamos tomar cuidado e nos preocupar - as mudanças já estão acontecendo, infelizmente :/
    Beijos!

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, foi lido com carinho! Volte sempre!