terça-feira, 30 de abril de 2013

Duas resenhas maravilhosas!



A primeira é do dia 27, feita pela Juh Lira, do blog Reticências. Avaliação 5/5, com a Juh se assumindo como fã do Cisne e da sua turma! Resenha completa aqui, com sorteio junto!

" Olhem bem para a capa do Cisne. Estão vendo a ilustração doce e quase infantil? Esqueçam! Ao primeiro olhar pensei que pudesse ser um livro infantil, ao ver o tamanho, pensei que pudesse ser uma boa estória, mas eu estava errada. Cisne é algo que poderia estar na categoria do "inexplicável", do "indefinível".
A segunda resenha é do dia 28, feita pela Marina, do blog Ler, Imaginar e Criar. Avaliação 5/5, mais uma fã entusiasmada! Resenha completa aqui.

" Cisne é um ótimo livro, do tipo que você está com ele mesmo quando o livro não está com você. Durante o tempo que estive lendo, não foram raras às vezes que me peguei pensando no Cisne até dormir, tentando entender os detalhes e os mistérios da história. Esse é o tipo de livro que não dá para largar antes do fim, dá vontade até de ler mais devagar para prolongar a história. Não é a toa que o volume um da série Uma Geração, todas as decisões ganhou um lugar especial no meu coração, como favorito. Não vejo a hora de ler a continuação!

O que dizer, meninas? Vocês também já têm um lugar especial no meu coração de escritora, que ADORA quando alguém vibra com o Cisne. E não se preocupem. Linhagens está a uns meses apenas!

domingo, 28 de abril de 2013

Resenhando a resenha: A Profecia de Leslienth



Resenha feita pelo Moisés, do blog A Profecia de Leslienth. Avaliação 5/5. A resenha completa está aqui.

Primeira frase da resenha - ah, isso está difícil... Só lendo a resenha do Moisés para entender a dificuldade! Vou considerar esta aqui:
" Hertzog não criou conceitos totalmente novos. Mas ela conseguiu deixar sua marca como única através de sua narrativa muito bem escrita e com novas transformações. "

Última frase da resenha:
" A História de Cisne vai muito além do esperado. É uma história que impressiona, e que segue caminhos próprios. Mas não se torna um diferencial por ser apenas uma boa história, mas sim por ser altamente bem escrita e bem moldada. A inteligência que ela caminha é de se destacar entre as obras nacionais publicadas. "

Frase que mais gostei na resenha (por motivos óbvios, rsrsrs!):
" Cisne pra mim foi a melhor escolha de leitura para 2013. Considero que entrei com o pé direito no ano e ele vai para o Top 6. A não ser que haja outras 6 obras melhores que sejam lançadas até lá. "

Gostei demais da resenha como um todo e, depois dela, o Moisés e eu nos tornamos amigos de Facebook - altas conversas pelo bate-papo, quando tínhamos tempo disponível. O resultado de todas estas conversas foi que o Moisés concordou em fazer uma leitura crítica de Linhagens, o segundo livro da série. E, para minha grande satisfação, está gostando da leitura... 

 

sábado, 27 de abril de 2013

Relatório semanal n.17



Relatório da semana número 17

Resenhas da semana:
20.04 - blog Distopicamente, resenha feita pela Isabel. Avaliação 5/5. Link aqui.
" Pela capa e pela idade dos protagonistas, encaixei Cisne quase que automaticamente em infanto-juvenil, mas o tamanho e complexidade da trama me fizeram duvidar dessa impressão inicial. Ficção científica, talvez? Não sei, só sei que é MUITO bom. Nesse detestável Caps Lock mesmo, para maior expressividade. "

21.04 - blog Interessante, resenha feita pelo Rodrigo. Avaliação 5/5. Link aqui.
" 832 páginas; vários protagonistas; ótima diagramação; escrita perfeita; vontade, e ao mesmo tempo receio, incessante de concluir a leitura. Em Cisne, livro da escritora parceira Eleonor Hertzog, você encontrará uma estória arrebatadora! "

22.04 - blog Nerdices de uma Garota, resenha feita pela Andressa. Avaliação 5/5. Link aqui.
" Lado negativo do livro: ter de esperar o segundo volume para continuar lendo. Sério gente, eu realmente tentei ser crítica, mas não consegui achar algo ruim. O enredo é fantástico, a Eleonor tem uma imaginação incrível e uma escrita tão gostosa de ler, que você não percebe o quanto já leu. "

23.04 - blog Diamante Negro, resenha feita pela Jéssica. Avaliação 5/5. Link aqui.
" Durante toda a leitura do livro, foram duas semanas, eu sonhei, imaginei e brinquei com o veleiro e seus tripulantes. Não tem como não se envolver, a história é tão rica em detalhes que você facilmente se transporta lá para dentro tentando ver qual o problema de Peggy ou nas brincadeiras de Tim. "

Os sorteios estão a mil, todos eles relacionados aqui. São 9 (!!!!) sorteios, e atenção porque tem 2 que terminam no dia 30! 

E, completando, uma novidade novinha em folha, combinada hoje mesmo: vou participar do evento que comemora o primeiro aniversário da Turnê Literária. Ou seja, no dia 25 de maio, estarei no Rio de Janeiro!
  

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Maravilhas do mar: belugas, as baleias brincalhonas

As baleias-brancas ou belugas são animais dóceis e possuem uma habilidade divertida: elas criam uma bolha de ar na forma de rosquinha com o espiráculo ("narina" das baleias, que fica sobre a cabeça) ou com a boca, passando então a fazer "malabarismo" com as bolhas. Cientistas não acreditam que haja algum propósito para isso, além de pura diversão. Alguns golfinhos também compartilham da habilidade.

As fotos abaixo são de belugas em um aquário no Japão.
 Beluga branca soprando um círculo de bolhas na água transparente do aquário



 "Assoprando" o anel de bolhas
 


 A beluga parece estar realmente se divertindo com a brincadeira
 
As belugas são eventualmente chamadas de canários do mar por seus variados tipos de guinchos estridentes, cliques e assobios. Também podem imitar uma grande variedade de outros sons. São baleias pequenas (4 a 6 metros de comprimento), e vivem em pequenos grupos em águas árticas ou subárticas. 

Quer ver as belugas criando e brincando com suas bolhas? Acesse este vídeo aqui. E, no segundo vídeo (aqui), são golfinhos que se divertem com as bolhas!

  
 

terça-feira, 23 de abril de 2013

Atualizando a página



A cabeça estava cansada hoje, e a inspiração, a zero. Havia decidido que hoje, então, seria meu dia de "folga", ou seja, o dia em que eu não faria um post. A cabeça cansada, no entanto, não estava a fim de olhar TV ou dormir, de modo que nós duas (a cabeça e eu) concordamos que era um bom dia para trabalho braçal puro e simples.

O trabalho escolhido foi um há muito adiado: a atualização da página de resenhas, passando a incluir a data da postagem de cada resenha e a avaliação recebida pelo Cisne. Isso significou verificar blog por blog, o que, pelo menos, me ocupou bastante...

Continuo cansada, mas estou feliz. Ao final do levantamento, descobri que, das 165 estrelas possíveis (5 por resenha, são 33 resenhas), o Cisne recebeu 148. É um belíssimo escore.

Blogueiros parceiros, por favor, confiram data e avaliação de suas resenhas. Apesar de toda a minha atenção, há chance de erros. Como eu disse, a cabeça está muuuito cansada... Qualquer equívoco meu, é só avisar que arrumo. 

Meu muito obrigada a cada um que deu uma destas estrelas ao Cisne!  

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Resenhas - mais três!


O que dizer do tamanho da satisfação de uma autora quando, em três resenhas consecutivas, seu "filhote" recebe a nota máxima? Acreditem, é uma satisfação sem tamanho. Sem tamanho mesmo! Isabel, Rodrigo, Andressa, através do muito obrigada que digo a vocês, agradeço a todos os blogueiros que não se assustaram com as 832 páginas do meu monstrinho! Há os que gostaram muito, como vocês. Há aqueles que não gostaram tanto. Mas todos fizeram o principal: se aventuraram! A todos os parceiros, MUITO OBRIGADA!

Agora vamos às novas resenhas, que me deixaram numa tremenda saia justa para escolher apenas uma frase preferida!
 
Resenha do dia 20 de abril: feita por Isabel, do blog parceiro Distopicamente. Avaliação A+. Resenha completa aqui.
Frase preferida:
" Eleonor Hertzog conseguiu o que poucos veteranos (e ainda menos estreantes, o que é o caso) conseguem: lidar com muitos personagens e uma trama complexa de maneira simples, tornando as 832 páginas de Cisne pouco diante da voracidade que o leitor adquire.

Resenha do dia 21 de abri: feita por Rodrigo, do blog parceiro Interessante. Avaliação: 5/5 (Skoob). Resenha completa aqui
Frase preferida:
" Pontos negativos? Como assim pontos negativos? Não existe nada de tão alarmante no livro da Eleonor que mereça ser chamado de negativo; o livro é apaixonante, e fim, okay? Então, não perca tempo, entre na casa da família Melbourne, que é um barco carinhosamente batizado de Cisne.

Resenha de hoje, 22 de abril, feita por Andressa, do blog parceiro Nerdices de uma Garota. Avaliação 5/5. Resenha completa aqui
Frase preferida:
" O enredo é fantástico, a Eleonor tem uma imaginação incrível e uma escrita tão gostosa de ler, que você não percebe o quanto já leu. São 832 páginas viradas num piscar de olhos. Só lendo mesmo para ver o quanto o livro é bom. "

O que eu tenho a dizer? Estou feliz. Mais nada. 

domingo, 21 de abril de 2013

Resenhando a resenha: Universe for Words



Resenha número 8, feita por Matum, do blog parceiro Universe for Words. Avaliação 3/5. É uma resenha curtinha, que está completa aqui.

Primeira frase da resenha:
" Esse livro de início me deixou bem curioso, pois me deu a impressão de ser uma história bem diferente de todas as outras que eu já tinha lido, principlamente por grande parte do enredo acontecer em um navio, em alto mar. "

Última frase da resenha:
" ... eu achei também que o livro conta muito do dia-a-dia da família em vez de contar mais sobre as coisas mais importantes, que serão desafios para eles. "

Frase que mais gostei na resenha: 
" ... na minha opinião esse é um livro feito para todas as idades, com uma história bem inteligente e criativa. É uma leitura bem suave e divertida, muito boa para passar o tempo. É um livro que não podemos julgar pela capa, sinopse, resenhas ou qualquer coisa que não seja lê-lo. Na história acontecem coisas surpreendentes, em que eu particularmente, parei para dizer 'Nossa, da onde ela tirou criatividade para pensar em algo assim?' "

De onde? Bem, só o que posso dizer é que tem MUITO mais em Linhagens, o segundo volume!


sábado, 20 de abril de 2013

Relatório semanal n. 16


Relatório da semana número 16

Foi uma bela semana com três belas resenhas! A primeira foi da colega escritora Vanessa Sueroz (aqui); a segunda, da Géssica, do blog parceiro Livros de Elite (aqui) e a terceira, da Mila, do blog parceiro De Livro em Livro (aqui). Ou seja, foi uma semana com resenhas praticamente um dia sim, um dia não!

Sobre o meu xodó, as Maravilhas do Mar: em vez de bichinhos, coloquei lá uma cidade submersa na costa do Japão com idade avaliada em 11.000 anos... E vocês mal se interessaram!!! Vem cá, estão tão ruins assim nas contas que não caiu a ficha que 11.000 anos pra trás é Idade da Pedra e não devia ter ninguém construindo cidade alguma, muito menos com tecnologia asteca?! Isso não é historinha de fantasia, gente. Existe de verdade! 

Sorteios: coisa pouca, apenas 7 em andamento! Nos blogs Magia Literia, Segredos em Livros, Livros de Elite, Leitura nossa de cada dia e Palácio de Livros; no portal Arca Literária e na página da colega escritora Marli Carmen, onde o Cisne será sorteado com mais três livros, incluindo-se, é claro, o próprio Amazônia, Um Caminho para o Sonho, o livro da Marli.
(Observação: os links para os sorteios estão nos nomes dos sorteadores, ou ao menos em alguma parte dos nomes. Procurem, às vezes são só 3 letrinhas. O blogger está meio teimoso hoje e não adianta insistir quando ele resolve fazer as coisas do jeito dele...)

O assunto seguinte é justamente o livro da Marli. Apesar de ter retornado ao trabalho nesta semana (ainda não sei para onde sumiu este mês de férias), arrumei tempo para ler Amazônia, que conta a viagem de quatro amigas e mais o Daniel por diversas cidades do norte do país. Ia lendo e lendo, e dizendo para mim mesma: "tá, parece um guia turístico/histórico, cadê o enredo?". Mas continuava lendo do mesmo jeito. Daí a pouco, estava me irritando com a Rafaela tipo "pô, criatura, vê se cresce!". Mas espera. Não era guia de viagem? Como estou me irritando com personagens de guia de viagem? Como é que esse negócio aqui está funcionando, afinal?!
Bom, sei lá como está funcionando, mas, definitivamente, funcionou. As conclusões finais a que cheguei sobre Amazônia são:
1. É um guia de viagens, sim, excelente! Quando eu for visitar Manaus e Belém do Pará, certamente o livro da Marli vai estar na minha bagagem. E daí, Marli, é muito bom todos aqueles lugares fantásticos e restaurantes típicos estarem exatinho nos lugares do livro... Um bom guia turístico precisa ser fidedigno!
2. Amizade é uma coisa muito linda em qualquer lugar do mundo e não tem a ver com pessoas semelhantes entre si, mas sim com pessoas afins entre si
3. Tem momentos em que dá vontade de entrar no livro e SACUDIR aquela Rafa!!!
4. Se é mais do que tudo um guia de viagem, por que já estou pensando em reler?! Eu não releio guias de viagem! 
5. E, finalizando, é um livro tão politicamente correto que seria politicamente incorreto não gostar dele, Marli. Isso é covardia, kkkk! Eu adorei o livro. Tanto que estou pensando em reler apesar da minha megapilha de leituras!   
  

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Sorrindo feliz por aqui...!



Existem coisas que são legais, e existem coisas que são muuuuito legais!

As coisas legais de ontem foram as três novas resenhas que postei aqui no blog. Adorei cada uma delas.

A coisa muuuuito legal foi a troca de e-mails com a Camila Márcia (Mila), do blog De Livro em Livro. Com a permissão da Mila, estou reproduzindo aqui uma parte do e-mail que ela me enviou. E aqui está, mais uma vez, a resenha que a Mila fez para o Cisne. Preciso dizer mais alguma coisa? Pode ter recompensa melhor pra um escritor? Eu não consigo pensar em nenhuma!

" Fiquei muito feliz com a leitura, um misto de emoções me preencheu a cada página e estou realmente confusa em relação a alguns personagens e louca para saber o que tanto os Melborne quando Paul escondem... Tô incrivelmente feliz por no Brasil termos escritores como você que criam um mundo e uma história que jamais eu poderia ter imaginado. Sabe quando você pega um livro e ao terminar de ler você percebe que aquele livro você bem que poderia ter escrito? Isso definitivamente não aconteceu com CISNE, a cada página eu ficava OMG como surgiu essa história? Como ela pode imaginar tudo isso? EU JAMAIS SERIA CAPAZ DE TER INVENTADO UMA HISTÓRIA COMO A DE CISNE, e fico chocada que eu quase não conseguia escrever a resenha porque as palavras não conseguiam transmitir nada... Sofri muito e ao terminar a resenha percebo que não chegou nem perto do que eu gostaria de dizer... as palavras fugiram de mim e não consegui expressar tudo o que tinha no livro.

NOSSA PARABÉNS POR CISNE, tenho certeza de que o próximo volume será grandioso também... E aquele final Eleonor, foi uma judiação, você deixa seus leitores sofrendo até poderem ter em mãos a continuação... você é má [kkkkk, não me interprete mal, pois essa maldade é essêncial para despertar o interesse descontrolado pelo volume seguinte]. "

Abraços,
Camila Márcia
@camila_marcia

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Resenhas e mais resenhas! Hoje são 3!



1. Resenha postada no dia 15.04, por Vanessa Sueroz, escritora que fez parte do book tour do Cisne. O book tour foi organizado pela Priscila, do blog parceiro Yume e os Livros. Priscila, mais uma vez obrigada! Avaliação 4/5, a resenha completa está aqui

Frase que mais gostei: " O livro tem muitas falas, o que deixa a leitura bem mais rápida, mas confesso que suas mais de 800 páginas assustam qualquer um, principalmente na hora de carregar o livro na condução rs. "

2. Resenha postada no dia 17.04, feita por Geeh, do blog parceiro Livros de Elite. Avaliação 3/5. E, se a Geeh fez uma resenha maravilhosa assim para um livro de avaliação 3, imagino o que seria a resenha se a avaliação tivesse sido 5! Foi difícil encontrar apenas uma frase preferida. Então, deixo duas, que fazem parte do mesmo parágrafo. A primeira, porque ri sozinha ao ler; a segunda, por falar de outras distopias. A resenha completa está aqui.

" Primeiramente eu quero levantar uma questão: Será que Eleonor Hertzog é mesmo terráquea? Tenho minhas dúvidas. Com essa mente incrivelmente fértil e tamanha inteligência... hm... hahhaha. Brincadeira gente, a princípio ela é terráquea sim, e gaúcha, assim como eu! "

" É a primeira distopia nacional que eu tenho a oportunidade de ler, autores estrangeiros adoram o gênero, e pipoca distopias de tudo que é lado, é Divergente, Jogos Vorazes, Legend... entre tantas outras, mas a maioria dos autores nacionais não aderiu ao tema, e foi isso que me fez ficar super curiosa para ler o Cisne. Tenho que confessar que a primeira vista o livro assusta, afinal são quase 900 páginas de uma história bem complexa, é muita coisa para assimilar, é na realidade, um novo mundo a conhecer. Mas como eu disse anteriormente, a Eleonor possui tamanha criatividade, que nem comparando com distopias estrangeiras eu não consegui achar uma temática que fosse, nem parecida com a criada por ela. "

3. Resenha postada hoje pela Camila (ou Mila), do blog parceiro De Livro em Livro. Avaliação 4/5. Mila, muito obrigada pela linda resenha, na qual também tive uma enorme dificuldade em selecionar uma frase apenas! Acabei optando pela última. A resenha completa está aqui.

" Para finalizar, quero realmente dizer que o livro é maravilhoso e surpreendente, para os que só leram a sinopse do livro tenho que informar que o trabalho da Eleonor é muito mais do que aquela sinopse deixa transparecer e para quem leu esta resenha, também, sinto informar que seria impossível transmitir realmente o que este livro é. Este é um dos livros que só lendo para entender. "

É ou não é de deixar uma autora MUITO feliz?! Obrigado a todas vocês, meninas!!!